::VW Fusca’75 1600S::

Publicado: junho 19, 2010 em 1600S, Bezorrão, Bezourão, Fusca, VW
“…
Pra eu te dar a mão nessa hora
Levar as malas pro Fusca lá fora…
E eu vou guiando
Eu te espero, vem…
Siga onde vão meus pés
Que eu te sigo também.
Porque eu te amo!

Luz dos OlhosNando Reis

E “ai” de quem pedir para guiar o VW Fusca 1600S Amarelo Imperial de Fabrizio Rosso, membro do grupo Floripa Boxer. Herança de família, o 1600S sempre esteve presente na vida de Fabrizio desde que ele se entende por gente. “Desde meus 4 anos até os meus 12 anos, todas as minhas férias, onde passava na casa de minha avó, na cidade de Criciúma, eram realizadas com a ajuda deste mesmo carro, onde passava a maior parte das viagens em meu lugar preferido, a famosa cachorreira (xiqueirinho). Foi neste pequeno grande carro, que tive as primeiras aulas de direção ministradas pela minha grande amiga Beatriz, minha mãe e ele sempre esteve presente em todas as fases de minha vida. Este Fusca se tornou um irmão mais velho para mim, visto que foi peça fundamental até mesmo na época de universidade, onde foi com ele que me locomovi durante mais da metade do período do meu curso.” Certo dia o pai de Fabrizio chegou em casa decidido a se desfazer do carro, mas o apego, amor e carinho falaram mais alto e de pronto, o pai foi colocado contra a parede: “Só se for para mim!” – Exclamou Fabrizio.








Daí em diante a história deste exemplar esportivo dos lendários Fuscas seria re-desenhada pelas mãos de Fabrizio. Um dos modelos mais completos que já sairam da linha de montagem, o 1600S ostenta como grande diferencial uma rara tomada de ar sobre a tampa do motor e que o proprietário fez questão de manter, pois além de agregar grande valor visual é extremamente funcional nos motores refrigerados a ar.

O 1600S foi completamente desmontado para tirar as “rugas” de tantos anos de serviços prestados à familia Rosso e durante sua re-montagem, peças específicas para melhorar a performance foram acrescentadas. Os cabeçotes foram encaminhados para a SportSystem de São Paulo para receberem um grande trabalho de otimização de dutos e fluxos. De quebra, válvulas em inox de 40mm para admissão e 35mm para o escape, controladas por um comando Engle Cams modelo W110. Para evitar a flutuação das válvulas em altos giros, molas duplas exercem a carga necessária. O volante do motor foi aliviado para favorecer a subida de giros e a taxa de compressão fechou em 9,0:1. A alimentação ficou por conta de uma dupla de carburadores Solex de 40mm instalados sobre coletores de admissão do Puma. Já o escape é um 4×1 dimensionado para a nova configuração. A ignição recebeu bobina de Gol MI para alimentar as velas NKG grau 6, interligadas por cabos Nika de 10mm. Num motor refrigerado a ar, um dos pontos mais críticos sempre foi a lubrificação e para não ter dores de cabeça, Fabrizio instalou em seu exemplar um bomba de óleo Schadeck de 30mm. Com esta configuração, a potência estimada é de 120cv com a shift-ligth acendendo a 5.600Rpm. O câmbio recebeu engrenagens do VW SP2 e sistema de embreagem completo da Displatô com maior carga. A responsável pela troca das marchas é uma alavanca Empi com sistema de engate rápido. Demais peças foram mantidas originais, porém trocadas por novas.




De coração novo e com um visual inspirador, Fabrizio resolveu agregar ao conjunto um belo jogo de rodas, réplicas das clássicas Cup3 de medidas 7,0×17″ calçadas com pneus Toyo 205/40-17″ na dianteira e Matrac 205/45-17″ na traseira. A suspensão recebeu catraca para rebaixar a dianteira e facões reguláveis para a traseira, além de utiliza amortecedores de Chevrolet Chevette retrabalhados com maior carga. Sem exageros, a nova altura conferiu ótima estabilidade ao 1600S que frequentemente leva Fabrizio a diversos encontros e eventos pelo sul do pais, mesmo noite a dentro com a ajuda dos farois bi-xenon de 6.000k. Os freios permaneceram originais, mas nesta versão já contam com freios a disco na dianteira para maior segurança.











À direção, o volante Lenker modelo Motolita faz par com a alavanca de câmbio Empi e as pedaleiras em alumínio. No painel, foram adicionados manômetros de pressão do óleo, voltímetro e hallmeter da ODG mantêm o motorista informado sobre a situação do motor, instalados logo abaixo do cinzeiro. Ao lado, um novo conta-giros de 5″ com shift-ligth da ODG informa a correta hora da troca de marchas. Sem perder a linha “Old School”, o auto-rádio MotoRadio de época, foi mantido e permanece funcionando perfeitamente (um Mp3 Player Pioneer está escondido no porta-luvas enquanto no xiqueirinho que Fabrizio tanto gostava quando garoto, agora habitam um amplificador Stetsom e dois subwofers Bomber de 10″). Uma plaqueta alerta aos desavisados: “Do not lower windows at speeds in excess of 120Mph“, o risco de perder os cabelos em caso de descumprimento deste aviso é grande. Um clássico com ótimo senso de humor.









“Hoje já se passaram mais de 12 anos que estou nesta lida diária de cuidar deste carro, que espero deixar para a minha filha. Tomara que ela goste de Fusca (risos).” – brinca Fabrizio. E tem como não gostar?




Galera do grupoo Floripa Boxer reunida

Abraços!

comentários
  1. FUCAYELLOW disse:

    Que fusca mais lindo – UAHUHAUHAUHAU.
    Parabéns pela matéria caro amigo, fico agradecido demais pel exposição de meu fusca em suas páginas.
    Espero que a galera curta e que você também tenha gostado.
    Um grande abraço e uma ótima semana.

    Fabrizio Rosso.

  2. Anonymous disse:

    Isso ai, um belo exemplar do nosso clube

    Muskyto

  3. Fernando disse:

    o que dizer de um grande carro e um grande amigo ???
    perfeito esse exemplar, inspiração para qualquer apaixonado por fuscas.
    Parabens rafa por expressar a realidade do Fabrizio em cuidar e zelar pelo besouro…..

  4. Kami disse:

    showwww de bola. lindo demais o fusca

  5. Luizcb disse:

    dos fafa qye eu conheco… o mais lindo de todos sem duvida… sendo um bizorrao… melhor ainda otimo bom gosto… parabens pela materia rafa e parabens pelo carro Fabrizio

  6. thiago disse:

    muito show esse fusca hein…parabens!!!sonho!!!

  7. Vina_cwb disse:

    esse carro do Fabrizio é muito lindo. Sem exageros, do jeito que tem que ser….Parbens…
    abraço t+

  8. Anonymous disse:

    ” Luizcb disse…

    dos fafa qye eu conheco… o mais lindo de todos sem duvida… sendo um bizorrao… melhor ainda otimo bom gosto… parabens pela materia rafa e parabens pelo carro Fabrizio”

    FAFÁ?!

  9. FUCAYELLOW disse:

    O Bento dá louco, fumou o quê amigo????
    AHUHAUHAUHAUH.

    Fafa, esta é boa, bizorrão com lentes fafá.

    Um abraço………….

  10. Luizcb disse:

    fumeu orégano… queria dizer dos mais novos… q o meu eh veio demais ^^

    confundi na hora de digitar hehehhe vergonha^^

Gostou? Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s